Belém, Lisboa: Como chegar e o que fazer

Chegamos ontem de viagem e a saudade dessa terrinha linda chamada Portugal já bate forte.
Para ficar mais fácil e dar dicas com mais detalhes, vou separar os posts sobre Lisboa em algumas partes, já que a cidade é incrível e fizemos muuuitas coisas por lá.

Agora chega de lenga-lenga e vamos à primeira parte, o Bairro de Belém em Lisboa.

 

Por que visitar Belém

Que a nossa história está ligada à Portugal todo mundo já sabe, mas aqui nesse bairro pude ver isso de perto. Foi daqui que Pedro Alvares Cabral se jogou no mundão e acabou encontrando o Brasil. Tem um pouquinho do nosso país em cada cantinho ali.

 

Como chegar

O jeito mais fácil é pegar o eléctrico 15 na Praça da Figueira com destino a Algés e desembarcar na parada Largo Princesa. Você também pode embarcar na Praça do Comércio, mas caso queira ir sentado, Figueira é melhor, já que é o primeiro ponto. Antes da parada Princesa, você verá turistas desembarcando, isso porque a maioria das pessoas, ao ver o Mosteiro dos Jerónimos, desce do eléctrico. Não faça isso, espere chegar na Parada Princesa que te levará à Torre de Belém. Assim você fará o caminho inverso e não vai precisar lidar com a multidão.

 

O que fazer em Belém

 

1. TORRE DE BELÉM

Foi construída entre 1514 e 1520 no reinado de D. Manuel I para proteger a cidade. Fiquei impressionada com a beleza e riqueza de detalhes no exterior da Torre. O interior é igualmente interessante. Você irá encontrar canhões, várias escadinhas íngremes que levam até os outros andares, além de algumas salas. Há também alguns terraços, de onde você pode admirar de longe a Ponte 25 de Abril.

O ticket para a Torre custa 6 euros entrada normal ou 3 euros para estudantes.

 

Lisboa - Torre de Belem

Lisboa - Belem

 

2. PADRÃO DOS DESCOBRIMENTOS

Caminhe próximo ao Rio Tejo até chegar ao Padrão dos Descobrimentos. Trata-se de uma construção bem mais recente, inaugurado em 1960, e homenageia os exploradores e figuras importantes na época dos descobrimentos. Foi aqui o lugar exato que Pedro Alvares Cabral deixou Lisboa para, mais tarde, descobrir o Brasil.

 

Lisboa - Descobrimentos

 

Dica valiosíssima: Nas redondezas do monumento, há vários food trucks, coxinhassss (inclusive vegetarianas pra mim, uhuuul) e bolinhas de queijo! Parada obrigatória pra quem, assim como eu, estava com saudades dessa delícia.

 

3. MOSTEIRO DOS JERÓNIMOS

De todos os monumentos religiosos que já visitei, esse foi, sem dúvidas, o que mais me impressionou. Arquitetura riquíssima em detalhes, com torres e colunas diferentes uma das outras e tudo esculpido à mão (!!!). O interior é também incrível e conta com algumas exposições permanentes (e bastante coisa sobre a história do Brasil) e ainda os túmulos de algumas pessoas marcantes da História Portuguesa (e também super conhecidas por nós brasileiros), como D. Manuel I, Luís de Camões, Fernando Pessoa e Vasco da Gama.

A visita à igreja é free e ao Mosteiro é 10 euros entrada comum e 5 euros para estudantes.

 

Lisboa - Jeronimos

Belem - Jeronimos 1

Belem - Jeronimos

 

Ali juntinho com a igreja e mosteiro, está o Museu de Arqueologia Nacional de Lisboa. Vale a pena a visita.

Caso tenha tempo, ficam também nessa região o Museu dos Choches, Museu da Marinha, Planetário e alguns outros museus menores.

 

4. PASTÉIS DE BELÉM

Não dá pra ir à Lisboa e não comer na pastelaria mais tradicional da cidade, fundada em 1837. Ela fica pertinho do Mosteiro e é fácil de encontrar devido a grande aglomeração de pessoas na frente. A fachada é super portuguesa, com azulejos azul e branco e o preço dos pastéis de belém super justo, apenas 1,10 euros. E são deliciosos!

 

Lisboa - Pastel de Belem

 

Belém é um bairro único e eu tenho certeza que você irá amar a visita. ♡

 

 

 Que tal dedicar um dia da sua viagem para conhecer a mística vila de Sintra, bem pertinho de Lisboa? Confira o roteiro de um dia aqui: Sintra: Roteiro de um dia

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR:

Comente aqui